sexta-feira, 14 de junho de 2013

Confusão: Servidor municipal é xingado e ameaçado dentro de unidade da Prefeitura de Salvador

Acusados pelo prefeito ACM Neto (DEM) de serem baderneiros, os servidores municipais de Salvador, continuam em greve. A categoria não aceitou a proposta da gestão, que diz somente ser possível, um aumento de 2%.
Para aumentar a tensão, durante mais uma rodada de negociações, na sede da Secretaria Municipal de Gestão (Semge), na manhã de ontem (13), alguns trabalhadores que acompanhavam os dirigentes do sindicato da categoria foram xingados e ameaçados por policiais militares, no interior do órgão.
Durante a alegada “manutenção da ordem”, no interior da Semge, um policial xinga um servidor lotado na Guarda Municipal de Salvador de “viadinho”, e ameaça-o de prisão. A partir, deste momento, inicia-se a confusão generalizada.
Acompanhe as imagens da ação policial contra os servidores que estavam nas dependências de uma unidade do serviço público, e que não deveria ter atuação de militares, pois compete a Guarda Municipal, a guarda e zelo de prédios municipais:

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=1NTe_8wqel4